Consultório

Avenida Elias Garcia, Lisboa
Sofia Monteiro - Avenida Elias Garcia (mapa)

Próxima data disponível:

Mostrar o calendário
Atende : adultos
Dinheiro
914 70.....
914 70.....

Experiência


Escolas

  • Licenciatura Pré-Bolonha em Psicologia Clínica, ISPA, 2005
  • Formação sobre Doenças do Comportamento Alimentar, Hospital Santa Maria, 2007
  • Curso Pós-Graduado sobre Psiconeurologia do Adolescente e Adulto, ISPA, 2011
Veja mais

Competências linguísticas

Inglês, Francês

Serviços e preços

Primeira consulta Psicologia


Avenida Elias Garcia, Lisboa

50 €

Sofia Monteiro - Avenida Elias Garcia

Opiniões de pacientes

5

Classificação geral
3 opiniões

  • Pontualidade
  • Atenção
  • Instalações
Paciente verificado
Local: Sofia Monteiro - Avenida Elias Garcia Consulta domiciliar Psicologia

A Sofia é uma psicológa extremamente profissional e presente. Tem-me acompanhado há já alguns meses e tem sido essencial nesta caminhada, pois sinto realmente os grandes passos que me ajuda a dar, e que se vão tornando maiores de dia para dia. Não estamos ali numa “conversa de café”, existe mesmo por detrás uma ciência vasta, e técnicas importantes, que me encaminham para resultados realmente palpáveis e me fazem constatar isso mesmo - há ali conhecimento científico em tudo o que conversamos, e existe uma explicação para aquilo que vou sentido.
O acompanhamento da Sofia é realmente fantástico.


Paciente verificado

Excelente profissional, que sabe o que está a fazer, bastante adequada às situações e sabe adaptar-se conforme a circunstância. Muito amiga simpática e paciente. Esforça-se para que tudo corra bem, mesmo havendo algum imprevisto.


Paciente verificado

Excelente trabalho o que executa. Melhor psicóloga que já conheci e melhor pessoa também! Muito obrigado por tudo!


Ocorreu um erro, tente outra vez

Dúvidas solucionadas

12 dúvidas de pacientes solucionadas na Doctoralia


  • Pergunta sobre Terapia de Casal

    Eu e o meu namorado começamos há dois anos, dois anos esses que têm sido dificeis, nao vou mentir. Desde o ínicio que não houve, nem há confiança. Nem eu nele, nem ele em mim. Sinto que a nossa relação se tem aguentado apenas pelo amor que sentimos um pelo outro, que é muito. Mas eu penso, o que tornará esta relação melhor? É verdade que lhe escondo coisas, lhe minto apenas por ter medo da reação dele. Ele não aceita o meu passado, não aceita que tenha tido namorados antes dele, diz que lhe dá nojo saber. Mas quer saber. E eu com o passar do tempo tenho ocultado bastantes coisas por receio dele. Sempre lhe mostrei o meu telemovel, eu nao tenho nada a esconder desde que namoramos. Mas ele esconde o dele. Também tenho motivos para desconfiar e ele nao entende isso. Deixei de sair à noite, beber, etc. porque sempre que o fazia nos zangavamos. No entanto ele faz isso tudo, e sabe que fico triste por ele ir mas vai na mesma, porque segundo ele, ele pode. Estamos num ciclo vicioso há dois anos, choro todos os dias por querer mais desta relaçao e ver que nao consigo, nem ele consegue. Pensei irmos os dois a um psicologo, uma terapia de casal. Sempre ouvi falar no entanto não sei como funciona, será disso que nós precisamos?

    Pelo que descreve parece bastante disponível para mudar, mas ainda só a relação e o seu namorado...
    Do relato a disponibilidade dele para a mudança e/ou consequentemente possibilidade de terapia será quase nula.
    Aproveite essa energia disponível para a mudança e inicie um processo onde se sinta apoiada sem pressões.
    Felicidades.

    Dra. Sofia Monteiro

  • Pergunta sobre Perturbações do comportamento

    Boa tarde,
    Tenho uma filha com quase 21 anos mas muito imatura. Não tem objetivos de vida, ou melhor, os que tem são sonhos. Não se empenha em nada, esquece de fazer tudo, começa mas não termina nada. Por outro lado é uma menina muito simpática, sempre de sorriso nos lábios e que sabe levar toda a gente. Até ao dia. Descobri, em choque, que tinha traído o namorado com um indivíduo de 30 anos, com uma filha e má fama. Ficámos incrédulos. Foi o próprio namorado (ex ,claro) que veio ter comigo e me contou tudo porque estava preocupado com ela, com os comportamentos lascivos, a ânsia de agradar e com a necessidade de ter ajuda profissional. Aqui reside a minha questão : Psicólogo? Psicoterapeuta? EMDR? Psicoterapia regressiva? Hipnose clínica? Não sei qual o mais adequado, nem tão pouco sei como ajudar pois sempre que tento falar com ela qualquer assunto que não lhe agrade, fica reativa... Obrigado

    O mais importantes é sempre validar as actuais preocupações da sua filha, pois decorrerão duma hiper-exigência consigo própria. Logo é natural que fique reactiva quando lhe dão soluções se ela já tentou tantas vezes sem sucesso...
    É com amor que se preocupa, e isso é bom. Entretanto, tente perceber junto dela se estaria interessada em estar com uma pessoa neutra que não julga.
    Uma Psicoterapia de média/longa duração é o mais indicado para que adquira uma melhor imagem de si mesma.
    Cumprimentos.

    Dra. Sofia Monteiro

Todos os conteúdos publicados no Doctoralia.com.pt, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.

Experiência


Escolas

  • Licenciatura Pré-Bolonha em Psicologia Clínica, ISPA, 2005
  • Formação sobre Doenças do Comportamento Alimentar, Hospital Santa Maria, 2007
  • Curso Pós-Graduado sobre Psiconeurologia do Adolescente e Adulto, ISPA, 2011
Veja mais

Especializações

  • Psicoterapia
  • Depressão
  • Distúrbios Psicossomáticos
Veja mais

Estágios

  • IPO,2003
  • Hospital de Santa Maria, 2003


Competências linguísticas

Inglês, Francês

Prêmios e distinções

  • Classificação de Excelente pelos Alunos relativo à sua Psicoterapia
  • Classificação de Excelente pelos Pais relativo à Psicoterapia de Adolescentes
  • Classificação de Excelente pelos colegas Professores relativo à Psicoterapia dos alunos
Veja mais

Contas das redes sociais