A minha Mae esta com comportamentos de irritabilidade, e desmotivacao embora ja ande medicada para a depressao ,que posso fazer neste caso?
Olá!
O ideal seria que além do tratamento medicamentoso a vossa mãe pudesse fazer acompanhamento psicológico. Nas sessões de psicologia o profissional poderá ajudá-la a identificar as causas da irritabilidade e desmotivação, bem como contribuir no desenvolvimento de recursos internos para lidar com esses sentimentos de maneira mais efetiva e construtiva.
Ao dispor

Dra. Filipa Santos
Dra. Filipa Santos
Psicólogo
Porto
Bom dia! Antes de mais votos de um bom ano de 2019!
Os sintomas que indicou podem ter origem em diferentes causas, requer uma avaliação cuidada ao estado emocional e clínico da Mãe. Para além do acompanhamento médico que já terá e da intervenção farmacológica que está a beneficiar, recomendo vivamente a procura de um profissional da Psicologia para que posso intervir psicoterapeuticamente junto da Mãe. Ao seu dispor.

 Liliana Portela
Liliana Portela
Psicólogo
Leiria
Olá,
Pelo quadro descrito, seria importante iniciar psicoterapia, para além dos fármacos.
Recomendo que converse com a sua mãe para consultar um/a psicólogo/o clínico, para ser avaliada e delineada uma intervenção psicoterapeutica adequada.
A psicoterapia permitirá reduzir os sintomas e promover recursos internos.

Dr. Jorge Salvado Ramos
Dr. Jorge Salvado Ramos
Psiquiatra
Massamá
É importante perceber se está a fazer a medicação há mais de 3 ou 4 semanas, ou se ainda está numa fase muito inicial do tratamento, uma vez que, muitas vezes a terapêutica farmacológica necessita de várias semanas até produzir os efeitos desejados. Caso já tenha passado este período inicial e se verifique que não só não houve melhoria dos sintomas, como houve agravamento e inicio de sintomas de irritabilidade, deverá procurar ajuda junto de um médico psiquiatra, para se proceder a uma verificação do diagnóstico e um ajuste terapêutico. Quando se atinge a estabilidade clinica, muitas vezes existe beneficio em iniciar uma psicoterapia, seja realizada por um psicologo ou por um psiquiatra.

Dra. Lina Raimundo
Dra. Lina Raimundo
Psicólogo
Sacavém
Boa tarde!
Pessoas com depressão, como é o caso da sua mãe, beneficiam muito com a integração da psicoterapia.
O psicólogo clínico procura identificar as causas da depressão e define a terapia mais adequada a cada caso específico e aos sintomas que daí resultam.

Boa tarde.
Aliar o tratamento medicamentoso à psicoterapia poderá ser uma boa solução. Com a ajuda de um psicólogo, a sua mãe poderia explorar as causas desses sintomas e trabalhar no sentido de lidar melhor com as mesmas, trabalhando emoções, sentimentos e comportamentos inerentes ao estado descrito.
Ao dispor.
Com os melhores cumprimentos,
Vera Santos

Especialistas em Perturbações do comportamento

Catarina I Bernardes Fonseca

Catarina I Bernardes Fonseca

Psicólogo

Santarém

Rita Maria Leitão Cunha Fernandes Vilar

Rita Maria Leitão Cunha Fernandes Vilar

Dentista, Psicólogo

Guarda

Gad - Gabinete de Apoio à Dislexia

Gad - Gabinete de Apoio à Dislexia

Psicólogo, Terapeuta da fala

Patrícia Segurado Nunes

Patrícia Segurado Nunes

Psicólogo

Portimão

Catalim A.

Catalim A.

Psicólogo

Lisboa

Joana A. Alves Rosa

Joana A. Alves Rosa

Psicólogo

Rabo de Peixe

content.questions.show.related_questions

Tem perguntas?

Os nossos peritos responderam a 13 perguntas sobre Perturbações do comportamento

Este valor é muito curto. Deveria ter __LIMIT__ caracteres ou mais.

  • A sua pergunta será publicada de forma anónima.
  • Faça uma pergunta médica clara e seja breve.
  • A pergunta será enviada para todos os especialistas que utilizam este site e não para um médico específico.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, dirija-se ao seu médico ou serviço de urgências.
  • Não são permitidas perguntas sobre casos específicos nem pedidos de segunda opinião.

Iremos utilizá-lo para o notificar sobre a resposta, que não será publicada online.
Todos os conteúdos publicados no Doctoralia.com.pt, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.