Preciso muito de um conselho seu!
Boa tarde,
Tenho 30 anos e apesar de eu nunca ter tido namorado e de eu ser ainda virgem, uma coisa quero e tenho acerteza absoluta, quando eu tiver um futuro namorado vou querer usar com ele vários tipos de brinquedos de sexo, principalmente vibradores, dildos e mini-vibradores que estimulam o clitóris e o ponto g da mulher.
Vir a usar vibradores com o meu futuro namorado é uma coisa que eu desejo muito, mas o problema é que quando chegar a este momento vou ter receio e vergonha de dizer e pedir essas fantasias com o meu futuro namorado, pois tenho muito medo de vir assustá-lo com isso, que ele vaia pensar mal de mim e vaia pensar que eu seja alguma tarada e de que ele nao vaia reagir bem, quanto ao assunto de eu vir querer a usar vibradores com ele.
Perante a esta futura situaçao, quando chegar a este momento, o que deverei fazer?
Independentemente de qual for a reaçao dele, será que eu deverei abrir-me totalmente com ele e revelar-lhe todas as minhas fantasias sexuais para com ele?
Dra. Ana Rita Simões Fonseca Pinto
Dra. Ana Rita Simões Fonseca Pinto
Psicólogo, Terapeuta alternativo
Matosinhos
Num relacionamento a comunicação é muito importante, também no que respeita a intimidade e sexualidade para que ambos retirem o melhor da relação. O respeito pelos limites de cada um também é algo a abordar. Mas antes de essa altura chegar é preciso começar um relacionamento com alguém que nos faça bem e nos queira bem, onde haja reciprocidade, valores em comum, etc. Quanto melhor se conhecerem um ao outro, mais fáceis ficam as conversas sobre a vossa intimidade.

Dra. Isabel Teixeira
Dra. Isabel Teixeira
Psicólogo
Funchal
É muito comum haver muitos desejos, expectativas para a construção de um casal e da sua relação sexual. No entanto, como deve entender, cada ser é único e especial e todos carregam esses mesmos desejos e expectativas e podem divergir em grande escala ou em pequenos detalhes/pormenores. Assim, o melhor é sempre escolher o diálogo como canal privilegiado para este tipo de questões. Quanto mais se conhecerem mais fácil será encontrar uma experiência agradável para os dois.

Dr. Fernandes Guita
Dr. Fernandes Guita
Psicólogo
Albufeira
Bom dia
Num relacionamento um dos piores problemas é a falta de comunicação, fale explique diga, num relacionamento o que fica por dizer funciona como castrador.

Dr. João Carlos Mota
Dr. João Carlos Mota
Psicólogo
Alcobaça
Precisam conhecer.se primeiro promoverem a comunicação. Partilhar experiências e analisar a abertura do parceiro sobre o assunto. Se não lhe disser ele nunca vai saber.

 Júlia Costa
Júlia Costa
Psicólogo
Évora
Primeiro que tudo necessita de ter esse namorado conhecer e deixar rolar a vossa relação. Numa relação mais intima é importante que cada um fale das suas fantasias. Nessa altura poderá partilhar com ele essas fantasias, que são naturais que existam.

Olá Bom Dia!
Considero que sua insegurança aparente possivelmente tem um indicativo, que através de uma psicoterapia chegará ao auto conhecimento que levará a sua própria condução com suas questões relacionadas as suas fantasias. ou melhor, a relação é uma construção ao longo do tempo, não se martirize por antecipação na hora certa saberá como lidar... Fortaleça suas decisões com um psicólogo.
Coloco-me a sua inteira disposição.
Convidamo-lo para uma consulta: - 40 €
Pode reservar uma consulta através do site Doctoralia, clicando no botão Reservar uma consulta.

 Carla Sofia Teixeira
Carla Sofia Teixeira
Psicólogo
Sabugal
Boa tarde!
Primeiramente terá de se tornar disponível para uma relação, se amando a si própria atrairá para si alguém que também a ame verdadeiramente...
Qualquer tipo de relação, e a relação romântica não é exceção, existe com base na compreensão, respeito e consideração pelos limites que o outro estabelece seja em qual das vertentes for. Como tal numa verdadeira relação, a vertente sexual é de suma importância para a verdadeira consolidação da mesma. A abertura no diálogo para abordar as as fantasias de ambos faz parte e é perfeitamente NORMAL e natural numa relação saudável... Não tenha receios, pois esses receios poderão até bloquear a sua realização a nível de relacionamentos.
Seja muito feliz!!!

Especialistas em Primeira consulta Psicologia

Catarina I Bernardes Fonseca

Catarina I Bernardes Fonseca

Psicólogo

Santarém

Rita Maria Leitão Cunha Fernandes Vilar

Rita Maria Leitão Cunha Fernandes Vilar

Dentista, Psicólogo

Guarda

Gad - Gabinete de Apoio à Dislexia

Gad - Gabinete de Apoio à Dislexia

Psicólogo, Terapeuta da fala

Patrícia Segurado Nunes

Patrícia Segurado Nunes

Psicólogo

Portimão

Catalim A.

Catalim A.

Psicólogo

Lisboa

Joana A. Alves Rosa

Joana A. Alves Rosa

Psicólogo

Rabo de Peixe

content.questions.show.related_questions

Tem perguntas?

Os nossos peritos responderam a 2 perguntas sobre Primeira consulta Psicologia

Este valor é muito curto. Deveria ter __LIMIT__ caracteres ou mais.

  • A sua pergunta será publicada de forma anónima.
  • Faça uma pergunta médica clara e seja breve.
  • A pergunta será enviada para todos os especialistas que utilizam este site e não para um médico específico.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, dirija-se ao seu médico ou serviço de urgências.
  • Não são permitidas perguntas sobre casos específicos nem pedidos de segunda opinião.

Escolha a especialidade médica dos médicos a quem quer fazer perguntas
Iremos utilizá-lo para o notificar sobre a resposta, que não será publicada online.
Todos os conteúdos publicados no Doctoralia.com.pt, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.