Gostava de saber se têm tido resultados

6 respostas
Gostava de saber se têm tido resultados em terapias para resolver ataques de pânico.
A abordagem é Comportamental?
E quanto tempo é de esperar uma melhoria?
Obriga
A TCC é a terapia de 1ª escolha para tratamento da perturbação de pânico (com/sem agorafobia). O prognóstico é extremamente favorável, e os resultados (considerando a adesão positiva do paciente) surgem entre 3 a 4 sessões.
De facto a psicoterapia na abordagem cognitiva-comportamental tem comprovadamente mais eficácia no tratamento da perturbação de pânico, apesar de haver outras abordagens de tratamento. Porém, em qualquer tipo de tratamento a adesão do paciente e a relação estabelecida com o terapeuta são fundamentais para o sucesso da intervenção.
A TCC é a terapia de eleição para o tratamento da perturbação de pânico. Este tipo de terapia revela bastante eficácia e produz resultados quase imediatos. 1 a 2 consultas são o suficiente para se observar uma redução significativa dos sintomas.
Tenho atendido em consulta vários casos de perturbação pânico, tendo alcançado resultados muito positivos e alguns em espaços temporais relativamente curtos. Tais resultados são alcançados através da terapia cognitivo-comportamental e em alguns casos através da conjugação com a farmacologia.
Apesar dos pensamentos serem altamente irracionais e causarem imenso sofrimento, o processo de recuperação acaba por ser mais simples do que à partida se poderia prever.
A medicação ajudará numa fase inicial na diminuição dos sintomas, mas será necessária a aquisição de estratégias que permitam o controlo dos sintomas a longo prazo sem necessidade da mesma.
Os casos de ataques de pânico conseguem um resultado eficaz e rápido com a ajuda da integração de técnicas de Hipnoterapia cognitiva e PNL - Programação Neurolinguistica, em que o cliente tem facilmente um papel activo na sua recuperação. A base é sempre terapia cognitivo-comportamental. Nos vários casos que ultrapassaram o problema não foi necessário recorrer À farmacologia, pois a auto-hipnose ajuda a pessoa a controlar os sintomas de ansiedade e a elevar a capacidade de cooping.
Olá. Podem ser várias as abordagens psicoterapêuticas que podem ajudar nesta psicopatologia, contudo, vários estudos estrangeiros e portugueses, destacam as psicoterapias cognitivo-comportamentais como as mais eficazes. Essa é também a abordagem psicoterapêutica que uso e de fato o sucesso é visível.
Quanto à duração do tratamento, tudo depende da gravidade dos ataques de pânico. É importante uma avaliação inicial com o médico, para verificar se existem causas biológicas e a necessidade de medicação e posteriormente é fundamental o acompanhamento em psicoterapia. A melhoria é sentida nas primeiras sessões, contudo isso não é suficiente e, é necessário continuidade para que, cognitivamente se possam mudar os esquemas mentais desadaptativos para outros funcionais e saudáveis. O seu psicoterapêuta vai consigo estimar a média de tempo necessária.
Se tem ataques de pânico, procure ajuda imediata, a sua vida é muito importante e é possível ultrapassa-los. Bjs e coragem! Liliana Silva.

Especialistas

Adoindo Pimentel

Adoindo Pimentel

Psiquiatra

Adrián Gramary Cancelas

Adrián Gramary Cancelas

Psiquiatra

Fânzeres

Adriana M Horta

Adriana M Horta

Psiquiatra

Vila Nova de Gaia

Adriano S Vaz Serra

Adriano S Vaz Serra

Psiquiatra

Coimbra

Agnelo Marques Silva

Agnelo Marques Silva

Psiquiatra

Águeda

Alberto C F Gomes Santos

Alberto C F Gomes Santos

Psiquiatra

Porto

Perguntas relacionadas

Tem perguntas?

Os nossos peritos responderam a 129 perguntas sobre Transtornos Da Ansiedade
  • A sua pergunta será publicada de forma anónima.
  • Faça uma pergunta médica clara e seja breve.
  • A pergunta será enviada para todos os especialistas que utilizam este site e não para um médico específico.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, dirija-se ao seu médico ou serviço de urgências.
  • Não são permitidas perguntas sobre casos específicos nem pedidos de segunda opinião.
  • Por uma questão de saúde, quantidades e doses de medicamentos não serão publicadas.

Este valor é muito reduzido. Deveria ter __LIMIT__ caracteres ou mais.


Escolha a especialidade dos médicos a quem quer fazer perguntas
Iremos utilizá-lo para o notificar sobre a resposta, que não será publicada online.
Todos os conteúdos publicados no Doctoralia.com.pt, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.